Santa Maria

Comissária de Ilha: Leonilde Resende

Comissária Executiva de Ilha: Joana Pombo Tavares

 

Licenciada em História e Ciências Socias, é Professora na Escola Básica Integrada de Santa Maria, tendo sido Presidente da Comissão de Avaliação  de Desempenho Docente e Coordenadora do Departamento de Formação. Foi ainda formadora da Escola Profissional da Câmara de Comércio e Indústria de Ponta Delgada, Vice-Presidente e Presidente do Conselho Executivo, bem como do Conselho Administrativo. Foi membro da equipa de Auto-avaliação de Escolas e Vereadora da Câmara Municipal de Vila do Porto. É membro da Assembleia Geral da Junta de Freguesia de Vila do Porto e membro da Direção e da Assembleia Geral da Associação Salvaterra.

 

 

Licenciada em Biologia Marinha pela Universidade dos Açores, com Mestrado em Cidadania Ambiental e Participação da Universidade Aberta. Foi secretária-Geral da Concelhia de Vila do Porto da Juventude Socialista Açores, sendo militante honorária desde 2015. Foi vereadora da Câmara Municipal de Vila do Porto, em partido da oposição entre os anos 2014 e 2018, e atualmente membro da Assembleia de Junta de Freguesia da Freguesia de Vila do Porto.

Sustentabilidade

“Como garantir a criação de riqueza a partir dos recursos endógenos, de forma a assegurar a sustentabilidade ambiental, económica e social dos Açores para as futuras gerações, fazendo escolhas económicas inteligentes, baseadas no conhecimento científico, tirando partido do poder transformador da ciência e da inovação? “ … Desde a década de 70, do século…

“Sustentabilidade”Participa

Ilha Terceira

O Plano de Desenvolvimento de cada uma das ilhas dos Açores deve consolidar aquelas que são as vocações de cada uma. Um plano, acompanhado dos recursos financeiros e humanos necessários à sua implementação, que deve ser promovido pela administração regional, mas construído da base para o topo, isto é, da população para a administração…

“Ilha Terceira”Participa

Ilha do Pico

O Plano de Desenvolvimento de cada uma das ilhas dos Açores deve consolidar aquelas que são as vocações de cada uma. Um plano, acompanhado dos recursos financeiros e humanos necessários à sua implementação, que deve ser promovido pela administração regional, mas construído da base para o topo, isto é, da população para a administração…

“Ilha do Pico”Participa

Ilha de São Jorge

O Plano de Desenvolvimento de cada uma das ilhas dos Açores deve consolidar aquelas que são as vocações de cada uma. Um plano, acompanhado dos recursos financeiros e humanos necessários à sua implementação, que deve ser promovido pela administração regional, mas construído da base para o topo, isto é, da população para a administração…

“Ilha de São Jorge”Participa

Ilha Graciosa

O Plano de Desenvolvimento de cada uma das ilhas dos Açores deve consolidar aquelas que são as vocações de cada uma. Um plano, acompanhado dos recursos financeiros e humanos necessários à sua implementação, que deve ser promovido pela administração regional, mas construído da base para o topo, isto é, da população para a administração…

“Ilha Graciosa”Participa

Ilha do Faial

O Plano de Desenvolvimento de cada uma das ilhas dos Açores deve consolidar aquelas que são as vocações de cada uma. Um plano, acompanhado dos recursos financeiros e humanos necessários à sua implementação, que deve ser promovido pela administração regional, mas construído da base para o topo, isto é, da população para a administração…

“Ilha do Faial”Participa

Ilha das Flores

O Plano de Desenvolvimento de cada uma das ilhas dos Açores deve consolidar aquelas que são as vocações de cada uma. Um plano, acompanhado dos recursos financeiros e humanos necessários à sua implementação, que deve ser promovido pela administração regional, mas construído da base para o topo, isto é, da população para a administração…

“Ilha das Flores”Participa

Ilha do Corvo

O Plano de Desenvolvimento de cada uma das ilhas dos Açores deve consolidar aquelas que são as vocações de cada uma. Um plano, acompanhado dos recursos financeiros e humanos necessários à sua implementação, que deve ser promovido pela administração regional, mas construído da base para o topo, isto é, da população para a administração…

“Ilha do Corvo”Participa

Cultura e Património

“Como promover as novas criações culturais assegurando, simultaneamente, a transmissão às próximas gerações do significado da nossa genética cultural e identidade, expressas na arte, na literatura, na história e visíveis no nosso património? “ … De um vasto conjunto de tradições, materiais e imateriais, importa debater as suas variadas formas de expressão ao longo…

“Cultura e Património”Participa

Governação e Transparência

“Como garantir uma maior participação dos Açorianos nas decisões políticas, reforçando a transparência na relação entre os cidadãos e as entidades públicas, promovendo por via da inovação outras formas de acesso à informação, novos modelos de organização político-administrativa e o reforço da participação eleitoral? “ … A participação política assume-se como a capacidade de…

“Governação e Transparência”Participa
Scroll to top